Aperte 'Enter' para buscar ou 'Esc' para sair
Blog thumbnail

Visitar Berlim em 3 dias

Visitar Berlim em 3 dias

Blog thumbnail ,

Visitando Berlim em 3 dias: informações e sugestões para otimizar o seu tempo e aproveitar a viagem.

Não importa se você quer conhecer a intensa história de Berlim (especialmente durante o século XX), explorar a vida noturna intensa da cidade ou aproveitar para fazer compras: 3 dias em Berlim valem muito a pena. Com boas dicas e um bom planejamento é possível aproveitar muito do que a cidade tem a oferecer.

Apesar de Berlim ter o bairro Mitte (que significa “centro” em alemão), a cidade não possui apenas um, mas diversos centros. Porém, Mitte é o bairro que concentra um grande número de atrações turísticas da antiga Berlim – o que poderíamos chamar de centro histórico – e foi de fato o bairro central da outrora Berlim Oriental. Num primeiro momento, é o mais indicado a ser visitado. Além das diversas atrações como a Ilha dos Museus e o Portão de Brandenburgo, o bairro possui muitas possibilidades de compras e uma gastronomia bem variada.

DICAS PARA APROVEITAR 3 DIAS EM BERLIM

Uma ótima forma de começar uma jornada de 3 dias em Berlim é fazer o nosso Tour Berlim Imperdível e ver tudo de mais importane do centro histórico entre a Ilha dos Museus e a Potsdamer Platz. Após este passeio de cerca de 3,5 horas, você terá um ótimo panorama histórico, muito conhecimento e sairá com muitas dicas para seguir descobrindo a cidade.

Charlottenburg, bairro no outro extremo da cidade, foi o centro da outrora Berlim Ocidental e merece também a visita. Lá você também encontrará uma boa gastronomia e a sua avenida principal, a famosa Kurfürstendamm, repleta de lojas – inclusive algumas mais caras. Uma das mais conhecidas é a KaDeWe (loja de vários andares que reúne marcas de consideradas de luxo e um centro gastronômico). Próximo à estação do Jardim Zoológico estão ainda as ruínas da Igreja da Memória que valem muito a visita.

O bairro de Kreuzberg, por sua vez, se destaca pela sua multiculturalidade. Ali, em Friedrichshain e Prenzlauer Berg é possível encontrar ateliers de jovens artistas e inúmeras ofertas culinárias. A vida noturna também está muito bem representada nestes bairros com diversos clubes e bares para todos os gostos.

É bom lembrar da extensa rede de museus e galerias da cidade e dos parques para relaxar como o Tiergarten ou o campo do antigo aerporto de Tempelhof.

MONUMENTOS E LOCAIS IMPORTANTES DE BERLIM

Uma boa sugestão para chegar ou passar por locais importantes da cidade é pegar o ônibus 100, uma linha circular do transporte público de Berlim que vai da Alexanderplatz ao Jardim Zoológico. Com o 100 é possível passar diante de locais como a Ilha dos Museus e o Lustgarten, a Ópera na Bebelplatz, a Universidade Humboldt, entre muitos outros localizados na famosa Avenida Unter den Linden. Seguindo o trajeto, ele passa próximo ao Portão de Brandenburgo, ao lado do Parlamento, no Palácio de Bellevue, na Coluna da Vitória e chega ao ponto final no Jardim Zoológico. Descendo ali é possível chegar à já mencionada Igreja da Memória em cinco minutos a pé.

Outros locais emblemáticos no centro da cidade próximos aos pontos das linhas 100 e 200 são o Memorial para os Judeus Europeus Assassinados (ou Memorial do Holocausto) e a famosa Potsdamer Platz.

3 DIAS EM BERLIM COM O CARTÃO WELCOME CARD

Para ver o máximo possível em Berlim em 3 dias o ideal é utilizar o transporte público, que é todo interligado e atende praticamente todas as áreas da cidade. Uma boa opção podem ser os cartões Welcome Card, um bilhete de transporte público que oferece descontos em algumas atrações da cidade no espaço de 2 a 5 dias.

Os locais que oferecem desconto com o Welcome Card estão listados no livro que vem junto com o bilhete. Uma vez validado, como qualquer bilhete de transporte, ele poderá ser utilizado em todos os tipos de transporte (metrô, trem, ônibus, bonde) e os descontos podem ser aproveitados. Veja no site do Berlin Welcome Card se as atrações com  descontos valem a pena para você ou se no seu caso é melhor ter apenas um bilhete simples do transporte e adquirir outros bilhetes separadamente.

Uma oferta interessante do Welcome Card é o Welcome Card de 3 dias + Ilha dos Museus. Mas atenção: não se trata exatamente de um desconto no valor do bilhete dos cinco museus da Ilha (18 euros/1 dia), mas sim poder dispor de 3 dias para visitar os Museus. Assim são três dias garantidos de transporte e de Ilha dos Museus em um único bilhete, que pode ser uma boa dica para quem quer ver as coleções com mais calma. Lembre-se de validar/carimbar o bilhete antes do uso, só assim ele será válido seja para o transporte, seja para os museus.

VISITANDO A ILHA DOS MUSEUS E ARREDORES

Os cinco museus da Ilha dos Museus abrigam coleções extraordinárias reunidas ao longo de alguns séculos com a iniciativa dos Reis da Prússia.

Na própria ilha há ainda a Catedral de Berlim e futuramente o Castelo de Berlim, que está sendo reconstruído e abrigará o Humboldt Forum, um museu que reunirá culturas de várias partes do mundo.

Diante da Catedral, já fora da Ilha, está o Museu Histórico Alemão, que apesar da proximidade não faz parte da Ilha dos Museus.

Atrás da Catedral, também já fora da Ilha, há o Museu da DDR, dedicado à mostrar o cotidiano da vida na antiga Berlim Oriental – ele também, apesar da proximidade, não faz parte da Ilha dos Museus. A poucos minutos dali se encontram o Hackescher Markt e o Hackesche Höfe, um conjunto de pátios em art-nouveau com lojas, cinema, museus e restaurantes. Vale a pena caminhar pelas ruas próximas ao Hackescher Markt e chegar até a Nova Sinagoga, que fica a cerca de 5 minutos a pé dali.

Se a sua intenção é ter um bilhete que te permita visitar a maior quantidade de museus possível em 3 dias, o ideal é comprar passe válido por 3 dias que é o Museumspass. Ele inclui a Ilha dos Museus e muitos outros museus importantes da cidade e pode ser vantajoso mesmo se for utilizado por 2 dias.

DOIS LOCAIS, UM MURO: ONDE VER RESQUÍCIOS DO MURO DE BERLIM

A parte mais extensa que restou do Muro de Berlim é a East-Side-Gallery. Ela está à beira do rio Spree no bairro de Friedrichshain na sua fronteira com Kreuzberg. Esta parte do Muro fica entre as estações de trem de Ostbahnhof e Warschauer Strasse e pode ser percorrida a pé em cerca de 20 minutos. Porém é recomendável reservar um pouco mais de tempo para observar com mais calma algumas das interessantes pinturas que foram feitas logo após a queda do regime da República Democrática Alemã e que caracterizam a East-Side-Gallery.

Mais ao norte da cidade há o Memorial do Muro de Berlim da Bernauer Strasse, que permite ter uma maior compreensão da sua arquitetura do Muro e as transformações na cidade durante a sua construção. Há torres com textos e áudios informativos em diversos idiomas (entre eles inglês e espanhol) e um centro de visitantes com exposição sobre o tema. O Memorial fica entre as estações de Bernauer Strasse e Nordbahnhof.

Se você quiser conhecer mais profundamente a história do Muro de Berlim acompanhado de um(a) guia profissional confira o nosso Tour Berlim Oriental e o Muro.

O BAIRRO DE KREUZBERG

Você já conheceu o centro histórico, foi aos museus e viu uma parte do Muro? Vale a pena então visitar o bairro de Kreuzberg, que pode ser incluído na programação após a visita à East-Side-Gallery. Este bairro fazia parte do antigo setor americano na parte ocidental da cidade e se tornou célebre com a estadia de David Bowie. Ele ainda hoje concentra muito da vida noturna da cidade. Além disso o bairro é repleto de intervenções de arte urbana, tema de uma das nossas ofertas de tours com temas especiais: o  Tour Arte Urbana em Berlim.

O bairro de Kreuzberg é extenso, composto por diferentes partes com características específicas. Vale se orientar por suas estações-chave como Schlesisches Tor, Görlitzer Bahnhof e Kottbusser Tor da linha de metrô U1 para ver a parte mais multicultural e bastante movimentada do bairro. Indo mais ao sul próximo à estação de Mehringdamm está a zona um pouco mais cara do bairro ao redor da Bergmannstr., na qual se encontra o mercado coberto Marheineke.

Ainda em Kreuzberg mas já se aproximando ao bairro de Mitte estão o Museu Judaico, a Galeria de Berlim e o Checkpoint Charlie.

Após três dias em Berlim você verá o quanto ainda há para descobrir na cidade e muito provavelmente terá vontade de retornar. Mas sabendo aproveitar bem serão sem dúvida três dias inesquecíveis, com muitas possibilidades em todas as estações do ano.

Veja a nossa lista completa de Tours em português por Berlim e aproveite ao máximo os seus 3 dias na cidade acompanhado por um(a) guia profissional.

Escrever um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Avaliação*